ACTUALIDADES

14 de Fevereiro, 2019

Grupo «Libertas» renova a zona noroeste de Faro e aposta no Algarve

O grupo imobiliário «Libertas» tem trabalhado sobretudo para o mercado europeu, mas o projeto «Alta de Faro», urbanização que está a nascer na Lejana, zona noroeste da capital algarvia é uma aposta no mercado habitacional.

«Exatamente. Nesta primeira fase que estamos a construir, mais de cinquenta por cento tem sido adquirido por clientes portugueses. Este ano prevemos entregar 96 apartamentos e a totalidade está pré-vendida. Faltam alguns, porque há sempre desistências», contabiliza António Gonçalves, presidente do conselho de administração, em entrevista ao «barlavento».

Se ainda há alguns anos, a crise foi implacável para o sector da construção civil, hoje, além da retoma da economia, sente-se uma carência na oferta. «Existe procura. Em Faro estamos a construir 597 fogos. Em Albufeira, estamos a desenvolver um projeto para cerca de 400 fogos. São 35 mil metros quadrados, 15 mil para fogos comerciais e 3000 de habitação social (20 por cento). Já temos 260 feitos e vendidos», contabiliza.

Em Lagoa, estamos a construir sobretudo vivendas, no Parchal (Sítio dos Corgos) e em Ferragudo. Temos ainda projetos alargados para Tavira e Portimão, embora estes últimos não vão arrancar este ano. Terão início mais tarde porque são projetos específicos», revela.

PARTILHE ESTA PUBLICAÇÃO

Notícias relacionadas

POUPE TEMPO

Diga-nos o que procura, vamos dar um novo lugar à sua vida

Temos outros projetos em curso, deixe o seu contacto caso queira receber informações destes ou de outros projectos.

    2021-07-17T00:34:15+01:00